< LER OUTRAS NOTÍCIAS

Como se proteger do HPV e Verrugas

O HPV é um vírus que afeta pele e mucosas e tem potencial de causar lesões precursoras de câncer e verrugas. Como se proteger do HPV?

Referente à sigla “Papiloma Vírus Humano”, em inglês, o HPV pode se manifestar em diferentes locais do corpo, como colo do útero, garganta, ânus e a pele do prepúcio.

Atualmente, existem formas de se prevenir do HPV por meio de vacinas. Há três tipos de vacinas: a bivalente, a quadrivalente e a nonavalente, que se diferem em relação aos tipos de vírus sobre os quais atuam.



A vacina bivalente do HPV protege contra os vírus 16 e 18 (responsáveis por verrugas de alto risco para tumor em mulheres), a quadrivalente inclui o 6 e 11 (responsáveis por verrugas comuns), a nonavalente inclui os subtipos 31, 33, 45, 52 e 58.

Como se proteger do HPV por vacina


Não se recomenda a administração da vacina bivalente a homens e a nonavalente ainda não está disponível no mercado nacional. Por ora, no entanto, ainda não há estudos que comprovem a eficácia aumentada da novavalente sobre a quadrivalente.

Sobre a idade recomendada para se tomar a vacina do HPV, o ideal é que ela seja aplicada em crianças ou adolescentes que ainda não tiveram relações sexuais, conforme exalta o urologista Dr Julio Bissoli.



Entretanto, ela pode ser aplicada em adultos. Para tanto, deve-se levar em consideração o número de parceiros (os estudos em sua maioria incluíram participantes com até quatro parceiros em vida) e atual situação de relacionamento (parceiros fixos ou não).

Como regra geral, quanto menor a exposição ao vírus ao longo da vida, mais custo-efetiva será a vacina, sendo atualmente recomendada a partir dos nove anos, mas podendo ser estendida até os 45 anos para homens e mulheres.

A vacina quadrivalente também é capaz de gerar imunidade cruzada com outros subtipos de HPV não inclusos formalmente na sua composição. Por isso, ela é a mais recomendada atualmente.

Quanto à eficácia, dados americanos do FDA (Food and Drug Administration) mostraram que a vacina quadrivalente diminui pela metade a incidência de HPV em adolescentes e em até um terço em adultos jovens, confirmando a ideia de que, quanto mais precoce a vacinação, maiores são os efeitos preventivos.

Dr. Julio Bissoli é urologista particular com vasta experiência em doenças como o HPV. Se você tem dúvidas sobre vacinação ou deseja fazer uma avaliação urológica, agende uma consulta.

Agendar consulta Agendar check-up